Escolas
04/11/2022

Colégio Salesiano, em Campos, ficou em primeiro lugar na categoria “Inovações em Ensino Médio

Um projeto inovador implantado pelo Colégio Salesiano, em Campos, com mudanças para o Novo Ensino Médio ficou em primeiro lugar na categoria “Inovações em Ensino Médio – setor privado” na 5ª Edição do Prêmio Destaque Educação do “Educa Week 022”. A conquista foi direcionada à instituição, ao diretor Arthur Chrispino e ao supervisor de Ensino Médio, Gustavo Verçosa, este mês.
“O grande diferencial deste projeto é que os nossos alunos assistem aulas de determinadas disciplinas dentro de universidades para adquirirem esta vivência e escolherem com assertividade o curso superior que pretendem cursar para uma futura carreira de sucesso no mercado de trabalho”, explicou Arthur.
Para isto, o Salesiano fechou parceria com a Faculdade de Medicina de Campos e com a Uniflu para os alunos que desejam vivenciar a área de Humanas. Durante as três séries do Ensino Médio, os estudantes têm disciplinas nas universidades. “Eles entram nos laboratórios, têm contato com universitários e professores do Ensino Superior e os nossos professores também participam dos trabalhos. Ao longo destes três anos, os estudantes podem migrar para outras universidades se não se identificarem com a área escolhida” contou.
O projeto foi implantado no início deste ano e para 2023, Arthur afirma que o quesito inovação será ampliado no Salesiano. Além disso, outras universidades que oferecem cursos de engenharia, por exemplo, devem ingressar no projeto. Ainda segundo Arthur, estatisticamente, somente 1% dos alunos do Ensino Médio sabe previamente a carreira que pretende seguir. “Essa nossa inovação nos colocou em primeiro lugar no Brasil. Concorremos com escolas dos grandes centros do país no maior evento do Brasil na área de Educação Básica. Apresentamos o melhor projeto de inovação sobre o novo Ensino Médio, assunto que a maioria das escolas não sabe como conduzir ainda. Pelo MEC, todas as escolas deveriam ter implantado a nova lei”, frisou Arthur.

Fonte: Comunicação ISJB

Compartilhe